sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Com o Cetro: Cléo De Páris

Quadro para profissionais da Cultura Brasileira com perguntas fixas elaboradas por João Lenjob inspirado no Livro Entrevistas de Clarice Lispector. Outros Profissionais com o Cetro.

Cléo De Páris, Gaucha, Atriz



Você critica seus próprios trabalhos?
Critico minha forma de atuar, mas não sempre. Hoje, sou capaz de perceber meus acertos e vibrar com isso também.

O que é o amor?
É o que há de mais básico. Como a água ou o ar, precisamos pra viver.

As conquistas interferem na vida pessoal?
Sim, sempre! positiva e negativamente.

Qual o maior momento da carreira?
É relativo. Nem sempre o sucesso é sinônimo de felicidade e acho que a carreira vale a pena quando nos faz feliz e quando sabemos que estamos acrescentando algo ao mundo.

Quando você sabe que vai dar certo algum trabalho?
Nunca sei. É tudo um mistério até acontecer. Em alguns trabalhos, temos mais segurança durante o processo, mais descobertas, mais força. Em outros, ficamos mais vulneráveis e inseguros, mas o resultado sempre pode contradizer o processo inteiro. A resposta do público é indispensável para definir um trabalho.

Como você acha que o Castelo pode ser exemplar ou inspirador através da sua pessoa?
Um espaço dedicado à arte sempre é inspirador e importante.

O seu trabalho é a coisa mais importante de sua vida?
Não. Eu prezo muito meu trabalho, mas a coisa mais importante são as pessoas que amo.

O que você mais deseja atualmente?
Estou numa fase de mais agradecer do que pedir. Só desejo mais harmonia.

Como as pessoas podem interferir no seu trabalho?
De muitas formas, dependendo da pessoa. As pessoas próximas podem dar conselhos. As pessoas que trabalham comigo podem apontar problemas ou acertos. Um maluco pode gritar no meio da peça e atrapalhar minha cena. Alguém pode me elogiar depois da peça e contribuir para meu crescimento ou não. Alguém pode me olhar com ternura no palco... enfim, mil maneiras.

Quais os profissionais da arte, moda, esportes, educação, saúde e afins você mais admira pela natureza profissional e pessoal?
Selton Mello (ator e cineasta), a Adélia Prado (poeta), Dr. Dráuzio Varela (médico), Ivam Cabral (ator), professor Hubert Alquéres, Alexandre Shneider (secretário da educação), Roberto Áudio (ator e diretor), Manoel de Barros (poeta), Wislawa Szimborska (poeta), Enrique Diaz (ator, diretor)... provavelmente esteja esquecendo muita gente! na moda e nos esportes, não tenho predileções. Não me interesso muito.

Uma das atrizes mais talentosas segundo Lenjob, há muito ele vem conversando com Cléo De Páris a respeito desta entrevista e finalmente está aí. João fala que Cléo trabalha com a alma, com o corpo, com a entrega e dedicação e por isso ela étão eficaz. Por isso ele aprecia tanto esta nobre gaucha que reside em Sampa. Para o nosso Editor ela é a Atriz Original. Esperamos mais dela aqui.

Castelo do Poeta
twitter: @castelodopoeta

Um comentário:

  1. absoluta cleo, a gde atriz dos palcos da roosevelt...

    ResponderExcluir